1° Campeonato de Patinação Freestyle no Rio de Janeiro

Neste final de semana ocorre a 1ª Edição do Campeonato de Freestyle no Rio de Janeiro e tivemos um bate papo bem legal com Henrique Vasconcellos, um dos organizadores do evento.

Como surgiu a ideia fazer esse campeonato? Desde quando criei o projeto da operação urban em 2014 eu pensava em uma forma de incentivar a patinação a crescer como esporte no Rio de Janeiro, pois a cultura aqui dos grupos é mais pra fazer encontro e não competir.

A amiga Angelita, que estava de férias aqui no Rio, mas mora em Natal, entrou em contato comigo e também fez o convite para vários grupos aqui do Rio pra fazer um evento e como eu sempre quis fazer essas competições eu topei, inicialmente seria apenas um amistoso não seria organizado nem pela Federação de Hóquei e Patinagem do Estado do Rio de Janeiro (FHPERJ) e nem pela BSS, tanto que o evento não somara pontos para o ranking de nenhuma dessas instituições, será organizado pelo nosso projeto (Projeto Urban) e como as instituições são distantes uma das outras aproveitamos a neutralidade pra fazer o convite para elas.

Então podemos dizer que será um campeonato Amador? Sim, não temos autonomia para fazer um campeonato em nome de quaisquer dessas instituições, então organizamos pelo meu projeto e fizemos o convite para as três instituições a Federação de Hóquei e Patinagem do Estado do Rio de Janeiro (FHPERJ) apoiou, a Brasil Slalom Series (BSS) também apoiou, a única instituição que não respondeu foi a Confederação Brasileira de Hóquei e Patinação (CBHP), porém eles são ligados a FHPERJ então estão cientes. Com o sucesso do campeonato espero que eles se interessem em ajudar mais e até colocar no ranking das intuições nas próximas edições.

Como vai funcionar o campeonato? Quais modalidades vão participar?

No sábado, dia 11/03/2017 faremos um encontro com Rodrigo Morgado na Praça Mauá para fazer um workshop de slalom.

No domingo iniciam as competições que serão de nas modalidades jump e slalom, porém terá apresentação de street, jogo de Roller Derby, demonstração de Hóquei e dança, oficina de manutenção e circuito de urban. O local do evento já proporciona isso tudo, pois tem 2 quadras de eventos e um Skate Park então terá muitas atividades acontecendo de forma simultânea.

E o que você espera com esse campeonato? O que eu espero é a mesma coisa que eu espero com o projeto que já faço que os grupos estejam cada vez mais unidos pra fazer a patinação crescer no estado.

Pensam em alguma forma incentivar mais a galera participar de competições depois do evento? Sim sim, a ideia é, depois já pensar na segunda edição do campeonato e ficar atento aos erros desse e tentar melhorar sempre, na próxima edição tentar colocar mais alguma modalidade.

E quais foram as suas maiores dificuldades para fazer um campeonato? A primeira dificuldade que encontramos foi o local, aqui no Rio de Janeiro apesar de ter muitos lugares para patinar poucos lugares são cobertos.

Então verificamos na Praça do Trem, no Engenho de Dentro, foi inaugurado um galpão depois das olimpíadas que é um espaço muito grande que daria pra fazer a competição.

Corremos atrás de apoio da prefeitura pra ter oficio para o evento, como estava em época de carnaval e estava tendo treino de escola de samba no local, eu não consegui liberação, tanto que o evento teve que ser adiado pra março, mas conseguimos a Vila Olímpica onde já ocorriam eventos de patinação, é uma quadra onde o time de Roller Derby e Hóquei treinam então tivemos facilidades para conseguir o ofício deste outro local.

A segunda dificuldade e a principal é a falta de dinheiro, aqui se fazemos uma coisa tem que ser gratuito e não pode cobrar nada de ninguém, também não tem incentivo, ganhamos patrocínio de alguns amigos, mas o patrocínio foi em forma de brinde.


Consegui apoio de lojas e grupos de fora do Rio e os grupos do Rio fizemos uma vaquinha para confeccionar bandeira e comprar coisas para evento e o pessoal se mobilizou bastante e já deu uma ajuda para a organização e não precisamos gastar muito do nosso bolso.

Quem são as pessoas envolvidas mais diretamente na organização além de você? Além de mim a Angelita e o Daniel, somos nós três e também a Jamary lá de Recife que nos ajudou bastante com as documentações e aproximadamente mais 30 voluntários.

Ainda da tempo de se inscrever no campeonato? Pode se inscrever no dia também? As inscrições estão sendo feitas pelo site da Operação Urban até dia 10/03 sexta-feira e no dia vai ter inscrição na hora, vai ter uma equipe de credenciamento.

Para saber mais sobre o projeto Operação Urban, sobre o campeonato e as inscrições só acessar os links abaixo:

Site do Projeto Operação Urban www.operacaourban.com.br

Página do Campeonato: www.operacaourban.com.br/campeonato_patinacao_rio_de_janeiro.php

Inscrições: http://credencial.papodeuniversitario.com/1-edicao-do-campeonato-freestyle-patinacao-no-rio-de-janeiro


Obs: Caso a Confederação Brasileira de Hóquei e Patinação (CBHP) queira se pronunciar lhe será concedido direito de resposta conforme lei 13.188/15.

2 visualizações

Parceiros:

download.png

THAYNE

YAMAMOTO

inline-certification-program.png

2019 | Adreninline | São Paulo - SP