Entrevista com Felipe Zambardino

Atualizado: 6 de Mar de 2019


Nome: Felipe Zambardino

Idade: 32 anos

Cidade: Barueri - SP

Estado Civil: Casado

Modalidade: Street

Inicio na Patinação: 1995

Manobra favorita: Royal




Se você é amante da patinação com certeza já ouviu falar neste nome, um dos ícones da patinação no Brasil. Então sem enrolação e vamos direto ao que interessa e conhecer um pouco mais a sua história, seu trabalho e muito street.


Felipe, fale um pouco da sua história na patinação, quando começou? O que você já fez dentro da patinação? Qual campeonato mais marcou?

Eu comecei em 1995, em 1997 eu comecei a fazer street, mas sempre paralelo a corrida de patins, depois da corrida fui para o hóquei, por fim em 1999 eu fui campeão brasileiro de Street e ali tive a resposta, o caminho que eu queria trilhar dentro da patinação. Em poucos anos conquistei tudo que alguém poderia conquistar dentro da patinação, inclusive participando duas vezes dos X-Games e estando sempre nas finais. E com 26 anos eu fui coroado em ter meu próprio patins, o TxT Felipe Zambardino esta época foi o auge da minha carreira, e venho trabalhando com foto e vídeo dentro da patinação desde 2003 isso ajudou bastante o Patins Street aqui no Brasil.


Fale um pouco do seu trabalho com foto e vídeo na patinação, como surgiu?

Surgiu na vontade de estar nos vídeos, eu sempre amei patins e nunca saia nos vídeos de nenhuma marca e de ninguém, sempre fui viciado em patins e queria estar ali, a solução foi única, fazer acontecer, então comecei com os vídeos em 2003 com a BIS Brasil In Line Skate na sequencia em 2004 eu comecei a Mete a Mala que segue até os dias de hoje e já passamos de 7 DVDs lançados, entre mais de 400 vídeos para o YouTube, e a fotografia veio do vídeo em 2008 eu comecei firme na fotografia e desde então sigo fazendo estes mesmos trabalhos.


Você também tem canal no YouTube, não é? Qual seu maior objetivo dentro do seu canal?

Eu sempre trabalhei com YouTube, acredito que fui pioneiro no YouTube, porém sempre com edições de manobras mesmo com pouca comunicação verbal, em 2012 eu achei que seria necessário eu ter meu próprio canal e foi um sucesso, porém manter a frequência de vídeos se tornou cada vez mais difícil se tratando de vídeos de ação. Foi então que em agosto de 2016 eu retomei o canal com uma linguagem totalmente diferente e sigo desde então, e objetivo é único, muito conteúdo sobre Patins Street e com uma frequência boa, a programação mínima do canal são dois vídeos semanais um na terça as 10 a.m. e outro na sexta as 10 a.m. sendo que o vídeo de sexta é sempre dicas de manobras.


Das manobras da patinação street, qual você mais gosta de fazer? E qual mais difícil?

De manobras de Street eu gosto de uma das manobras mais simples chamada Royal, e a mais difícil que eu tento colocar na minha rotina sempre seria Hurricane, ou seja, entrar girando 360° antes de qualquer grind.


Que dica você daria pra galera que quer começar no street?

Primeiro aprenda a patinar, muitas pessoas já se jogam no Street e aprende a patinação depois, isso é possível, porém as pessoas se machucam muito, andar de Street é muito mais fácil do que parece. O segredo é a patinação se você pegar firme e aprender andar de costas, frear, fazer curva, e por fora as manobras de Street vão vir com naturalidade. Então o maior conselho aprenda mesmo a patinar, pois as manobras de street não são tão difíceis.


Ah eu vi também que você está fazendo um edit de manobra para a galera no seu canal do YouTube, como funciona? Como o pessoal faz pra participar?

É a EDIT dos inscritos, eu faço porque eles são a alma do canal, e quero dar a oportunidade de todos aparecerem em vídeos, porque era isso que eu sonhava no meu inicio, simplesmente estar nos vídeos. Para participar é fácil, a pessoa é inscrita do canal acompanha os vídeos e eu solto a cada 40 dias um vídeo explicando as regras, então pra galera que quer participar se inscreva lá no canal e fique sempre ligado!


O que você espera do street nos próximos anos?

A modalidade #PatinsStreet esta em um momento bom, mais no sentido de que esteticamente as manobras estão cada vez mais bonitas, ou seja, é style ou legal de ver patinação de Street, antes éramos vistos como maloqueiros, cresce a cada dia mais e mais adeptos que na sua maioria vem do urban, eu vejo sempre que esta em crescimento o Street!


O bate papo está muito bom mas ficaremos por aqui com este vídeo muito bacana do Felipe, para conhecer mais sobre o trabalho dele, aprender manobras de street, tirar duvidas e tudo mais veja os links no final da entrevista.

Acesse as redes sociais:

Facebook: www.facebook.com/felipezamba

YouTube: www.youtube.com/channel/UCzahupV12QPXvpiBARV8qVQ

Instagram: @felipezamba





125 visualizações

Parceiros:

download.png

THAYNE

YAMAMOTO

inline-certification-program.png

2019 | Adreninline | São Paulo - SP