Patins Infantil x Patins de Brinquedo - Qual a diferença?

Atualizado: 6 de Mar de 2019

Para algumas pessoas é difícil diferenciar uns patins de brinquedo de um patins infantil. O que poucas pessoas sabem é que se você quer que seu filho, sobrinho, neto... pratique realmente a patinação sem prejudicar em seu desenvolvimento, você tem que saber a diferença desses patins.

Então vamos começar pelos patins de brinquedo e sua configuração.

Bota: Feita de plástico.

Liner (bota interna): Material de algodão, porém com pouco estofamento.

Presilha: Normalmente apresenta 2 ou 3 presilhas plásticas.

Cadarço: Não possui.

Base: Feita do mesmo material de plástico da bota e são rebitados.

Rodas: Algumas de silicone ou podem ser de PVC ou até mesmo EVA.

Rolamentos: A maioria dos fabricantes pesquisados não informam na característica técnica esse item.

Parafusos: A maioria dos fabricantes pesquisados não informam na característica técnica esse item.


Analisando a configuração desse modelo de patins a bota normalmente não é feita de um plástico muito resistente, com o tempo pode haver rachaduras e desgastes, a liner por não ser muito bem acolchoados pode machucar o pé da criança, as presilhas também de material plástico e com a ação do tempo pode quebrar fácil e se a criança tem pé muito pequeno e fino elas não dão ajuste necessário podendo o pé ficar frouxo dentro da bota e como não possui cadarço isso também prejudica o pé por não ficar totalmente preso dentro do patins.


A base por ser material plástico e normalmente não muito resistente, se a criança for um pouco mais pesada a poderá entortar e prejudicar a pisada, com a ação do tempo poderá apresentar rachaduras. As rodas por não serem de poliuretano elas não deslizam como deveriam, são mais duras e travam mais na hora da patinação e isso dificulta uma patinação fluida.


Agora vamos a configuração de patins infantil.

Bota: Softboot (material têxtil) ou Hardboot (plástico resistente).

Liner: Tecido moldável, algodão ou espumas de alta densidade EVA, bem como nylon/poliéster.

Presilha: 1 presilha de precisão no cuff e 1 fivela de velcro no pé ou 2 presilhas de precisão.

Cadarço:  Possui.

Base: Plástico mais resistente ou alumínio.

Rodas: Material de poliuretano de diferentes durezas.

Rolamentos: Desde Abec1 a Abec9.

Parafusos: Allen estrela.


Esses tipos de patins não são de brinquedo e sim para a prática do esporte, a grande maioria são ajustáveis com isso a criança não perde tão rápido.


A bota desses modelos tanto soft quanto hard boot são feitos de materiais mais resistentes e que ajustam melhor. A Liner com acolchoamento reforçada evitando com isso machucar o pé. As presilhas ajustam melhor os patins e evitam que o pé fique “dançando” dentro da bota. A base também sendo mais resistente a impacto e suportando mais peso de acordo com cada fabricante, sendo uma média de 55kg até 75kg. As rodas por serem de poliuretano ajudará bastante na patinação pois o deslize vai ser adequado e com isso terá uma patinação mais fluida. Rolamentos de precisão que ajudarão também no desenvolvimento da patinação e parafusos padrão de diversas marcas de patins que facilita a troca ou o rodízio das rodas.


Essas diferenças de configuração são muito importantes na hora da escolha, sabemos que muitas crianças experimentam diversos esportes até gostarem de um e com isso os pais ficam com medo ou receoso de investir um pouco mais em um patins infantil ao invés de um de brinquedo. No entanto o que muitos não sabem é que se as crianças não começarem com um equipamento adequado isso poderá causar lesões, também não ajudará a desenvolver e dificilmente ela continuará no esporte.

Quer saber mais sobre patinação infantil? Deixe nos um comentário.

Faça parte de nosso Grupo do Facebook, compartilhe suas experiências e tire suas dúvidas.

399 visualizações

Parceiros:

download.png

THAYNE

YAMAMOTO

inline-certification-program.png

2019 | Adreninline | São Paulo - SP